Garotinha de apenas 8 anos recebe diagnóstico de câncer de mama raríssimo



Chrissy é uma das pessoas mais jovens a receber o diagnóstico de câncer de mama

O câncer de mama, infelizmente, é o mais comum entre as mulheres em todo o mundo – a cada quatro diagnósticos de câncer, um é desse tipo. Tanto que há uma tentativa de conscientização mundial sobre a importância do diagnóstico precoce da doença, através de exames de mamografia que devem se iniciar a partir dos 35 anos.

Entretanto, por mais precoce que ele possa surgir, um caso raro está chamando a atenção atualmente: Chrissy Turner, de apenas 8 aninhos, foi diagnosticada com a doença nos EUA. Ela está com um câncer chamado de carcinoma secretor, e a chance de isso acontecer é de apenas 1 em 1 milhão!

Tudo começou há um mês quando a pequena encontrou um caroço em seu peito. E então, depois de uma consulta de emergência, Chrissy recebeu o diagnóstico de que era uma das pessoas mais jovens do mundo a desenvolver esse tipo raríssimo de câncer de mama. Para dezembro, ela deve enfrentar uma nova etapa no tratamento: a retirada de seu tecido mamário.


Terceiro câncer na família 
 
Troy e Chrissy na época em que ele descobriu o seu linfoma pela primeira vez


Foi um choque muito grande”, disse Annette Turner, mãe da garota. “Nenhuma criança deveria ter que passar por câncer”, lamentou. Mas apesar do medo inicial, ela disse estar confiante de que o diagnóstico precoce possa levar à cura da doença.

A maioria dos tumores mamários em meninas muito jovens é do tipo benigno, mas, apesar da gravidade do câncer enfrentado por Chrissy, a chance de ele se espalhar para o resto do corpo é bem pequena. Um dos problemas, porém, é que a menina é muito nova para enfrentar sessões de radioterapia – por isso a única alternativa foi a da retirada do tecido canceroso.

Essa é mais uma pedra no histórico da família Turner: Annette, a mãe, já superou um câncer cervical; enquanto o pai da garota, Troy Tunner, está enfrentando o retorno do linfoma não-Hodgkin. A primeira vez que ele diagnosticou a doença foi quando a Chrissy ainda era um bebê.


Campanha de arrecadação


Família Tunner enfreta mais uma batalha contra o câncer

A menina mais jovem a ser diagnosticada com câncer de mama foi uma coreana de apenas três anos, no ano 2000. O tipo enfrentado por Chrissy corresponde a apenas 0,15% dos tipos de tumores que afetam as mulheres de todas as idades. Agora, sua família luta contra o tempo para vencer mais essa batalha.

Eles também estão recebendo doações para custear o tratamento tanto dela quanto de seu pai, através de um financiamento coletivo. Se você tiver interesse, pode ajudá-los clicando neste link. “Nós vamos lutar contra isso como uma família”, declarou Annette.



 
 
Fonte: Mega Curioso
Gosto? Compartilhe com os amigos:
Share on Google Plus

Sobre o Migre Notícias

A Notícia migrando e inovando cada vez mais...
Postar um comentário